Notícias

Empate na Fonte

Em jogo cheio de chances de gol, Bahia e Ipitanga ficam no 1 a 1.

08 fev 2006 | 23H55

Darino Sena

Num jogo franco, cheio de emoção, Bahia e Ipitanga ficaram no empate em 1 a 1, na noite desta quarta-feira, na Fonte Nova. Foi a nona partida do Tricolor no primeiro turno do Estadual 2006.

Pelo grande número de chances de gols criadas pelos dois times, o placar foi magro.

No primeiro tempo, o Bahia foi para cima e só não abriu o marcador pela falta de pontaria e boa atuação do arqueiro Jessé.

Acuado, o Ipitanga é que acabou saindo na frente, através de um pênalti duvidoso cometido por Jaílson em Diogo. Ele mesmo cobrou, deslocou o goleiro Marcão e fez 1 a 0.

Em busca do empate, o Bahia não se abateu e continuou pressionando. Conseguiu aos 43 ainda da etapa inicial. Avine sofreu pênalti, Luiz Eduardo cobrou e deixou tudo igual.

Na segundo etapa, o Tricolor veio determinado a virar o jogo. Voltou a construir boas oportunidades, mas desperdiçou.

A postura ofensiva do Bahia abriu espaços nos sistema defensivo e o time sofreu com os contra-ataques do Ipitanga. Só não foi pior porque o atacante Diogo não estava numa noite inspirada, apesar do gol de pênalti assinalado no primeiro tempo.

O resultado não foi bom para o Bahia, que caiu para a quinta colocação do grupo, saindo da zona de classificação. O Tricolor busca a reabilitação neste domingo, fora de casa, contra o Camaçariense.