Notícias

Tudo igual

Tricolor leva gol no fim e fica no empate na Arena Castelão

24 fev 2019 | 20H58

Na Arena Castelão, em jogo realizado na noite deste domingo (24), Bahia e Fortaleza ficaram no empate por 2 a 2. O time da casa saiu na frente, no entanto, o Esquadrão conseguiu a virada na etapa final. Quando tudo caminhava para um final feliz para o Bahia, a equipe cearense deixou tudo igual novamente, aos 46 minutos da etapa final.

O Tricolor volta a jogar na próxima quarta-feira, dia 27, contra o Jacuipense, mas pelo Campeonato Baiano. Pela Copa do Nordeste, no sábado (2), às 16h, o Esquadrão visita o Altos, em Teresina.

Bola rolando
O torcedor do Esquadrão levou um grande susto logo no começo. Aos 2, o atacante Júnior Santos, aproveitando um rápido contra-ataque, finalizou e Douglas fez grande defesa. Ederson pegou o rebote, sem goleiro, mas chutou para fora.

A primeira oportunidade do Bahia saiu aos 17. Ramires, após passe errado do zagueiro Quintero, passou por dois adversários, entrou na área e finalizou, de esquerda, em cima do arqueiro da equipe da casa. O segundo arremate aconteceu aos 21. Douglas Augusto, de longe, arriscou e mandou para fora.

No fim do primeiro tempo, aos 43, o goleiro Douglas, que era o último homem, não conseguiu cortar e a bola passou. Júnior Santos tocou e abriu o placar em Fortaleza.

Aos 47, na última tentativa da primeira etapa, Shaylon finalizou de fora e a bola passou próxima do travessão.

Segundo tempo
Aos 10, da entrada da área, o lateral Nino Paraíba chutou forte e Marcelo Boeck espalmou. Poucos minutos depois, aos 16, o empate do Tricolor de Aço saiu. Élber iniciou o lance e ajeitou para Gregore, que fez um belo passe e achou Gilberto com liberdade. O camisa 9, de primeira, ajeitou e serviu Ramires, que colocou no canto e deixou tudo igual.

A virada saiu aos 18. Gilberto recebeu passe, em cobrança de lateral, girou em cima de dois adversários e tocou por baixo do goleiro do Fortaleza, virando a partida na Arena Castelão.

O goleiro Douglas foi importante aos 23. O volante Paulo Roberto, de longe, soltou uma bomba e o goleiro espalmou. No lance seguinte o Bahia respondeu. Moisés bateu cruzado e Boeck encaixou. O Fortaleza quase empatou aos 35, primeiro com Júnior Santos. Ele finalizou e acertou o poste, só que o lance não parou por aí. A bola seguiu viva na área, até chegar em Paulo Roberto que desviou e obrigou outra boa defesa do goleiro do Esquadrão.

O Bahia levou o gol de empate aos 46, após cabeçada do zagueiro Quintero, aproveitando cobrança de escanteio.

O pior não aconteceu, aos 48, graças a mão esquerda do goleiro Douglas. Romarinho encheu o pé direito, dentro da área, mas o goleiro do Bahia fez uma defesa espetacular e garantiu o resultado de igualdade.