Notícias

Roger

Técnico fala sobre atuação em empate coma Chape

07 nov 2019 | 00H28

Após o empate por 1 a 1 com a Chapecoense, na Fonte Nova, o técnico Roger Machado concedeu entrevista coletiva à imprensa presente. O comandante começou falando sobre a queda de rendimento da sua equipe nessas últimas partidas.

“O que me preocupa nesse momento é o rendimento. Poderíamos ter sorte melhor contra o Cruzeiro e a gente veio com a expectativa de vencer em casa e nos colocar em uma situação melhor dentro da classificação. O que me preocupa nesse momento é o nível do nosso jogo que caiu e que a gente precisa reencontrar. Agora cabe à gente analisar individualmente e coletivamente para podermos voltar para a competição porque ainda há tempo”, disse.

O treinador também foi questionado sobre o excesso de bolas cruzadas na área do adversário.

“As circunstâncias do jogo, com o adversário jogando com uma linha de cinco, fechando o meio de campo, te dá um lugar no jogo para você construir, e não era por dentro. Nesse jogo, de fato, era pelas laterais, pelos cruzamentos, mesmo com três jogadores altos. Já no segundo tempo, com a entrada do Guerra, o que eu quis foi justamente alternar um pouco mais. Porém, com jogadores como Gilberto e Fernandão na área, você naturalmente vai cruzar. Mas o jogo se desenhou dessa forma”, explicou.

Ao ser questionado sobre a próxima partida, contra o Flamengo, Roger ressaltou a importância de que seu time retome a confiança e o bom futebol.

“Vamos pensar a estratégia a partir de amanhã. Rever os jogos do Flamengo, ver quem teremos à disposição, ver a situação do Marco Antônio, que já foi avaliado… Mas hoje é refletir o jogo. Entender o que aconteceu… E saber que o campeonato está aberto. O campeonato saiu das nossas mãos, não muito por mérito dos adversários, mas pela nossa inconsistência dentro de campo, que nos tirou nossa confiança e o nosso jogo que vinha bem”, declarou.

Confira o áudio completo da entrevista: