Notícias

Outra vez

Técnico do sub-20 analisa campanha do bicampeonato

26 maio 2019 | 00H23

O treinador Pablo Fernandez, na beira do campo, conquistou seu segundo título à frente da equipe júnior do Tricolor de Aço.

Esta conquista, para ele, teve um gosto ainda mais especial. O processo de reformulação da equipe, entrada e saída de novos atletas, foram temas citados pelo comandante bicampeão do Campeonato Baiano de maneira consecutiva.

“Esse título, na minha carreira, pode ser considerado o mais complicado. Nós oscilamos muito durante o campeonato, enfrentamos várias saída de jogadores, o que nos proporcionou vários mudanças. Mas, ainda assim, diante desse cenário, os meninos compraram nossa ideia e foram extremamente competitivos”, comentou.

O Bahia, em Irecê, venceu por 1 a 0. Porém, no segundo e decisivo jogo, viu o Canaã devolver o placar e levar a decisão da final para os pênaltis. Este equilíbrio na decisão do estadual, segundo Pablo, engrandece o título conquistado pelo Tricolor.

O técnico do sub-20 elogiou o adversário.

“Nós enfrentamos uma equipe bem organizada, treinada demais, além de ter atletas de muita qualidade. Nós sabíamos, ao passar para final, que íamos enfrentar duas duras partidas pela frente, e assim foi. O título, contra um time tão bem organizado, ganha esse peso especial também”, finalizou.