Notícias

Números finais

Veja o balanço da temporada 2015

30 nov 2015 | 16H17

A partida do último sábado (28), contra o Atlético-GO, fechou a temporada do Bahia.

Foram 70 jogos disputados no ano de 2015, em cinco competições diferentes (campeonato baiano, Copa do Nordeste, Copa do Brasil, Sul americana e Série B).

Depois de um bom primeiro semestre, com a conquista do título baiano, a final da Copa do Nordeste e um bom início de Série B, a equipe tricolor começou a sofrer com uma oscilação técnica, que não impediu o Esquadrão de passar a maior parte do Brasileiro disputando as primeiras colocações.

Das 38 rodadas da competição, o Tricolor figurou no G4 durante 21 delas, o terceiro melhor rendimento, dentre as vinte equipes que disputaram a Série B, atrás apenas do Botafogo e Vitória.

A reta final do Brasileiro não foi boa e decretou a permanência do Bahia na Série B.

Confira os principais números e informações da temporada:

Campanha geral: 70 jogos / 32 triunfos / 21 empates / 17 derrotas / GP 106 gols / GC: 75 gols / saldo: 31 gols / aproveitamento: 55,71%

Campanha como mandante:  35 jogos / 26 triunfos / 06 empates / 03 derrotas / GP 72 gols / GC: 28 gols / saldo: 44 gols / aproveitamento: 80%

Campanha como visitante:  35 jogos / 06 triunfos / 15 empates / 14 derrotas / GP 34 gols / GC: 47 gols / saldo: -13 gols / aproveitamento: 31,43%

O ataque tricolor marcou 106 gols e é o 7º melhor do país.

Dos 70 jogos da temporada, o Tricolor marcou gols em 54.

O atacante Kieza foi o grande destaque individual da temporada, com 29 gols marcados e 09 assistências diretas para gols.

O meia Eduardo e o atacante Kieza foram os líderes em assistências, com 09 passes diretos para gols.

Artilheiros 2015: Kieza (29), Maxi (15), Souza (10), Léo Gamalho (07), Tiago Real (06), Zé Roberto (04), Rômulo, Roger, Tchô, Titi e Willians Santana (03), Vitor, Alexandro, Bruno Paulista, Chicão, Jacó e Jaílton (02), Eduardo, Gustavo, João Leonardo, Marlon, Pittoni, Robson e Thales.

Assistências 2015: Eduardo e Kieza (09), Souza (06), Maxi, Rômulo e Zé Roberto (05), Tiago Real (04), Léo Gamalho, Pittoni e Vitor (03), Bruno Paulista e Yuri (02), Adriano, Alexandro, Carlos, Gustavo, Hayner, Jacó, Marlon, Railan, Robson, Roger, Thales, Titi e Tony (01).

Dos 106 gols marcados pelo Bahia em 2015, 66 foram marcados por atacantes. Kieza (29), Maxi (15), Léo Gamalho (07), Zé Roberto (04), Roger e Willians Santana (03), Alexandro e Jacó (02) e João Leonardo (01).

Dezoito atletas formados na base do Bahia foram lançados no time profissional, um recorde no país e no próprio Esquadrão. (  Jean, Carlos, Rodrigo, Juninho, Patric, Eder, Robson, Sávio, Gustavo Blanco, Yuri, Mateus, Luan, Mário, Hayner, Vitor, Rodrigo Rodrigues, João Leonardo e Alexsandro

A torcida tricolor, mais uma vez, deu show nas arquibancadas, com a melhor média de público da Série B, com 16.904 pagantes por jogo.

Na temporada 2015, a média de público do Bahia foi a 10ª do Brasil, com 15.295 pagantes por jogo.