Notícias

Mudança de plano

Contusões de Bruno e Igor fazem Vadão improvisar Elias na lateral-esquerda.

10 ago 2004 | 14H35

Texto e foto:
Darino Sena

Vadão queria testar novamente o volante Cícero na lateral-esquerda, o que causaria a entrada do meia Igor no time. É uma das opções que o treinador tinha, e ainda tem, para escalar o Bahia caso o lateral-esquerdo Bruno fosse suspenso em julgamento do STJD, na noite desta terça. Mas o técnico teve que mudar os planos.

Bruno fraturou a clavícula e virou desfalque certo. Igor sofreu uma entorse no joelho, logo no início do treino, e não pode ser testado. Com isso, Cícero foi mantido no meio e Elias improvisado na lateral.

Elias entrou no lugar de Bruno porque o outro jogador da posição, Elivélton, ainda não tem condições físicas de começar jogando. Ele já está curado de lesões musculares que o afastaram dos gramados nos últimos dois meses, mas ainda sente a falta de ritmo. Elivélton fica como opção para o decorrer da partida.

A equipe titular no coletivo desta manhã começou com – Márcio; Paulinho, Valdomiro, Leonardo e Bruno; Neto, Ari e Cícero; Robert; Neto Potiguar e Selmir.

Ao longo do treino, como já foi dito, Elias substituiu Bruno, machucado. Renna também entrou no time, para atuar no meio. Com isso, Ari foi descolado para a lateral-direita. O meia é a solução caso Paulinho, que passa por julgamento nesta quarta, seja suspenso no STJD.