Notícias

Leia o artigo de Reinaldo Machado, publicado no Jornal A Tarde

19 dez 2007 | 10H00

Na edição de sábado(15/12), do Jornal A Tarde, na coluna “Megafone”, destinada para a manifestação espontânea de torcedores leitores, Reinaldo Machado, conselheiro tricolor, expõe sua opinião sobre a punição imposta ao Bahia, pelo STJD. Confira o artigo na íntegra:

Aquele que julga sem pesquisar profundamente o contraditório, não é um juiz! É um carrasco! Com essa frase de nossa autoria, iniciei um discurso na defesa de um colega, quando conselheiro do CREMEB.

A referida frase se presta perfeitamente à decisão do STJD que puniu o EC Bahia em sete mandos de campo e uma multa pecuniária de R$ 80.000,00.

Os ilustres baianos que têm vez e voz na CBF esqueceram de avisar que, dez minutos antes do término daquele jogo contra o Vila Nova de Goiás, as duas equipes passaram a tocar a bola numa atitude fraternal, já que o resultado as classificava para a Série B, como se confirmou posteriormente.

Os referidos ilustres baianos esqueceram de avisar que, quem depedrou o estádio, não foram aqueles que pagaram ingressos e sim, os vândalos e ladrões que estavam do lado de fora, travestidos de torcedores do Bahia.

Esqueceram de avisar que naquele jogo houve a abertura do clássico xaréu e, com certeza, foram eles que realizaram todo tipo de baderna, inclusive estavam também saqueando as pessoas do lado de fora do estádio, como aconteceu com a nossa secretária, que estava acompanhada do seu primo; esses ilustres baianos que não fazem nada pela nossa terra, aparecem no período de férias cheios de pose, contando infelizmente com toda cobertura da imprensa baiana!

Reinaldo Machado