Notícias

‘Heróis de 59’

Livro será lançado nesta quarta na Fonte

08 abr 2019 | 20H59

A conquista da Primeira Estrela, que fez aniversário há pouco mais de uma semana, ganhará uma bela homenagem em formato de livro a partir desta quarta-feira (10).

“Herois de 59”, escrito pelo jornalista Antônio Matos, narra o brilhante título do Bahia em cima do Santos de Pelé, no Maracanã, e será lançado às 18h30, na zona mista da Fonte Nova, nível 4 do estádio.

A obra tem 266 páginas, muitas imagens inéditas e foi editada e publicada pela Solisluna Editora. O prefácio é do advogado trabalhista e ex-ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TST) Roberto Pessoa e o posfácio do jornalista Eliezer Varjão, ex-chefe de Reportagem de ‘A Tarde’.

Dividido em cinco partes, “Heróis de 59” abrange desde a criação da Taça Brasil e a formatação do elenco do Bahia para aquela competição até o Carnaval em pleno abril, com o desembarque da triunfante delegação no então aeroporto ‘Dois de Julho’.

Além disso, a repercussão da mídia esportiva nacional diante do primeiro título nacional de futebol ter sido ganho por um time nordestino e a festa das faixas, contra o Náutico, na Fonte Nova.

“Entre a decisão de escrever, o início das pesquisas, até a publicação do livro, lá se vão uns seis anos”, afirma o autor, que disse também ter se preocupado em resgatar, com fichas e “nos mínimos detalhes”, os 14 jogos realizados pelo Bahia: dois com o CSA, três (e mais uma prorrogação) diante do Ceará, três frente ao Sport, três contra o Vasco e mais três com o Santos.

Os perfis dos jogadores e técnicos do Bahia, que participaram daquela memorável campanha, também não foram esquecidos pela obra, assim como a estatística completa da I Taça Brasil.

Antônio Matos, 71 anos, confessa ter se encantado com aquele time do Bahia de 1959, que tinha craques como Vicente, Flávio, Marito e Mário, “além de contar com o excelente goleiro Nadinho e grandes artilheiros, como Léo e Alencar”, complementou.  

Jornalista e radialista, o autor é bacharel em Direito, diplomado em 1970, pela Universidade Federal da Bahia, e delegado de Polícia. Passou pela Rádio Cruzeiro, pelas sucursais de Salvador da ‘Manchete Esportiva’ e de ‘O Estado de São Paulo’, e na ‘Tribuna da Bahia’, no ‘Diário de Notícias’ e em ‘A Tarde’, onde foi redator, editor e chefe de Reportagem.

DIA 10 DE ABRIL, 18h30, FONTE NOVA
Solisluna Editora: 3379.6691 / 3369.2028 Antonio Matos: 9982.2287

Vídeo de divulgação do lançamento: https://vimeo.com/322532341