Notícias

Há um ano Bahia conquistava o Bi do Nordeste

Em 12 de maio de 2002, Tricolor atingiu a glória máxima da região em pleno estádio do maior rival. Time era comandado pelo ídolo Bobô.

12 maio 2003 | 16H55

Com um empate por 2 a 2, em pleno Barradão, no dia 12 de maio de 2002, há exatamente um ano atrás, o Bahia conquistava o inédito Bicampeonato do Nordeste numa final emocionante sobre o rival Vitória. O técnico do clube era um de seus maiores ídolos na história, o ex-craque Bobô.

O grande destaque daquele jogo foi o artilheiro Nonato, autor dos dois gols do título. O Bahia jogava pelo empate, pois tinha vencido o jogo de ida da decisão, na Fonte Nova, por 3 a 1, no dia 5 de maio.

A conquista foi o sexto título regional do Bahia. Antes, o Tricolor já havia obtido os Campeonatos Norte/ Nordeste de 1948, 59, 61 e 63, além do Campeonato do Nordeste de 2001. Confira a campanha que garantiu o Bicampeonato do Nordeste ao Esquadrão – 35 pontos, 19 jogos, 10 vitórias, 5 empates, 4 derrotas, 42 gols-pró e 24 gols-contra.

Além da melhor campanha do certame, o Bahia teve ainda os dois principais artilheiros do Nordestão 2002 – Sérgio Alves, com 13, e Nonato, com 12 gols.