Notícias

Gladiador na área

Marcão deve entrar no ataque do Bahia para o 1º jogo da final. “Quem confiar em mim não vai se arrepender”.

10 abr 2004 | 09H30

Força física, raça, faro apurado para o gol. A potencialização desses atributos é o que o ataque do Bahia vai ter com a provável entrada de Marcão no time. O atacante deve ser a novidade do Esquadrão de Aço para a partida deste domingo contra o Vitória, na Fonte Nova – o primeiro jogo da final do Campeonato Baiano de 2004.

Apelidado pelos companheiros de Gladiador, pelo vigor físico e o estilo de jogo “trombador”, Macão foi o grande destaque do coletivo desta sexta-feira, vencido pelos titulares, por 5 a 2 – com dois gols dele, em grande estilo.

“Estou com muita vontade de jogar e mostrar o meu valor para quem tem dúvida de que ele existe”, declarou Marcão. “Nada melhor para isso do que um clássico decisivo, onde só os grandes jogadores conseguem se impor e mostrar um bom futebol. Tomara que tenha minha primeira chance neste jogo. Aqueles que confiarem em mim não vão se arrepender”, completou.

O técnico Osvaldo Alvarez ainda não confirmou a escalação de Marcão, mas gostou, e muito, do desempenho do atleta nos treinos. “Sem dúvida, precisamos melhorar nosso rendimento ofensivo. A entrada do Marcão significa a presença de um jogador com características bem diferentes daqueles com os quais contamos hoje. Ele atua fixo na área, é bom nas cabeçadas, alto e tem uma força tremenda. Pode nos ajudar muito. Vamos ver”, deixou no ar o treinador.

A presença ou não de Marcão é a grande dúvida no Bahia. Resta saber quem sai para a entrada dele – Robson ou Daniel Mendes. Elivélton e Galeano, que não treinaram quinta e sexta, contundidos, vão ser liberados para a partida, segundo os médicos.

Neste sábado, o Tricolor faz a última atividade antes do clássico, no Centro de Treinamento Fazendão.