Notícias

Givanildo deseja boa sorte

Delegação tricolor encontra técnico do Paysandu no saguão do hotel em Belém.

22 jul 2004 | 15H28

De Belém/PA,
Darino Sena

Logo em sua chegada à capital paraense, a delegação tricolor encontrou, no saguão do hotel Sagres, com o técnico Givanildo. Residente no local, o treinador está trabalhando no Paysandu, grande rival do Remo, adversário do Tricolor nesta sexta.

“É um prazer imenso rever velhos amigos como Vadão e Gersinho. Fico feliz por estarem fazendo um grande trabalho num clube grande e bem estruturado como o Bahia, no qual tive a honra de trabalhar”, declarou Givanildo, que teve uma rápida passagem pelo Tricolor, em 1996.

O treinador do papão desejou sorte, mas alertou que o Bahia não vai ter moleza diante do Remo. Givanildo disse que, apesar de ocupar uma posição intermediária na tabela, o Remo conta com uma equipe briosa e que cresce muito atuando em casa, ao lado da torcida.