Notícias

Esquadrão vence no Barradão e é mais líder do que nunca

O Tricolor abriu quatro pontos do vice-líder.

10 fev 2008 | 19H50

Por Jayme Brandão

Na tarde deste domingo, o Bahia venceu o Vitória, por 2 x 0 e manteve o tabu no Barradão, estádio onde o Tricolor não perde desde 2006.

Os gols da partida foram marcados por Didi e Elias.

Com este resultado, o Bahia atingiu os 23 pontos, abrindo 04 de vantagem, sob o vice-líder, o Vitória.

O JOGO

Com 30 segundos de jogo, o Bahia já assustou o goleiro França. Elias chutou forte e passou perto da trava esquerda.

Aos 07 minutos, saiu o primeiro gol tricolor. Em cobrança de falta ensaiada, Elias rolou para Alison, que chutou e a bola desviou na barreira, sobrando para o atacante Didi, que bem posicionado, abriu o placar.

Aos 11, o goleiro Darci começava a apresentar seu arsenal de belas defesas, interceptando uma cabeçada perigosa do ataque rubro-negro.

Dois minutos depois, Jackson chutou da direita e Darci espalmou com estilo.

Aos 33, em uma falta ensaiada, Aleluia tocou para Elias, que chutou forte, por cima do gol.

Aos 41, o atacante Didi fez ótima jogada, no meio da zaga do Vitória e quase marca um golaço, mas o goleiro defendeu.

Um minuto depois, Aleluia arrancou e chutou, mas França defendeu.

No intervalo, o técnico Paulo Comelli não mudou a equipe.

Aos 10 minutos do 2º tempo, o volante Marcelo Silva fez falta no goleiro Darci e marcou um gol, que foi acertadamente anulado, pela arbitragem.

Aos 13, Comelli colocou Rivaldo, na vaga de Emerson Cris.

Aos 19, o Bahia quase amplia. Elias cobrou uma falta e Cléber Carioca acertou o travessão.

Aos 22, Reinaldo Aleluia driblou o goleiro, mas não conseguiu chutar para o gol.

Aos 25, Darci espalmou uma bola perigosa.

Um minuto depois, o lateral esquerdo Daniel salvou em cima da linha, o que seria o gol de empate.

Aos 26, Darci fez duas defesas seguidas.

Aos 30, Pantico entrou na vaga de Aleluia.

Aos 38, em um belo contra-ataque tricolor, Elias lançou Pantico, que invadiu a área e chutou na trave do Vitória.

Aos 40, Didi foi substituído por Anderson Costa, que fazia sua estréia.

Aos 45, Darci operou mais um “milagre”, fazendo uma defesa de puro reflexo.

Um minuto depois, Pantico cortou a zaga de Canabrava e chutou por cima.

Aos 47, o nome do jogo apareceu mais uma vez. Darci fez duas brilhantes defesas.

Aos 48, saiu o segundo gol tricolor, para sacramentar a boa partida que o time fez. Pantico iniciou a jogada, driblou a zaga e chutou, a bola sobrou para Elias, que deu números finais ao jogo.

O Esquadrão de Aço, líder mais do que isolado, atuou com: Darci, Luciano Baiano, Alison, Cléber Carioca e Daniel; Fausto, Rogério, Emerson Cris(Rivaldo) e Elias; Reinaldo Aleluia(Pantico) e Didi(Anderson Costa).

Nesta segunda-feira, o elenco tricolor reapresenta-se às 16h:00, no Fazendão.

O próximo compromisso do Esquadrão será contra o Poções, na quarta-feira, lá no Estádio Heraldo Curvelo.