Notícias

Empate mantém 3ª colocação

Tricolor perde muitos gols e fica no 0 a 0 com o Juazeiro. Time depende de vitória simples na última rodada para se classificar.

15 fev 2006 | 23H47

Darino Sena

Com uma atuação ruim no primeiro tempo e nítida melhora no segundo, quando desperdiçou muitas chances de gols, o Bahia acabou ficando no 0 a 0 com o Juazeiro. O jogo foi realizado na noite desta quarta-feira, no Adauto Moraes, casa do adversário.

O resultado não foi ruim para o Bahia, graças aos outros placares da rodada. Beneficiado, o Tricolor manteve a terceira colocação do seu grupo.

O time do técnico Charles, que comandou seu segundo jogo nesta quarta, vai para a última rodada dependendo apenas dele para se classificar. Basta vencer o Itabuna, na Fonte Nova, por qualquer score, que estará nas oitavas-de-final do primeiro turno do Baianão 2006.

O jogo

Contra o Juazeiro, no primeiro tempo, o Bahia fez uma partida perfeita defensivamente, mas ruim ofensivamente. Os meias-armadores e atacantes, com pouca mobilidade, aceitaram a marcação adversária e praticamente não construíram jogadas.

Ainda assim, foi do Bahia a melhor chance de abrir o marcador na etapa inicial. Após rebote do goleiro Aloísio em cobrança de falta de Dudu, a bola sobrou limpa para Rafael na área, mas ele chutou por cima.

O Juazeiro tomou a iniciativa do jogo mas parou na boa atuação da melhor defesa do Estadual, liderada por Pereira e Josemar. Sem conseguir entrar na área do Bahia, o time da casa quase não ameaçou o gol de Marcão.

No segundo tempo, o Bahia melhorou. Valeu a bronca do técnico Charles no vestiário. O time voltou mais aguerrido, vibrante, indo para cima do “Juá”.

O resultado foi a criação de boas oportunidades de balançar as redes. Guilherme, Marcel e Deon, que entrou no segundo tempo, ficaram cara-a-cara com Aloísio, mas erraram a pontaria.

O Juazeiro também quase chegou lá. Num lance incrível, sozinhos na área, Fransuele e Ciel conseguiram furar consecutivamente as tentativas de chutes.

As chances perdidas fizeram o técnico Charles lamentar o resultado. “Se tivéssemos um pouco mais de tranquilidade, poderíamos ter vencido o jogo e ir para a última odada numa condição mais confortável. Mas valeu principalmente pela evolução do time no segundo tempo. Confio no grupo e vamos buscar essa classificação em casa”, disse o ídolo.

Para a partida contra o Itabuna, domingo, o Bahia não vai ter a dupla de zaga titular. Pereira e Josemar tomaram o terceiro cartão amarelo. Rodrigão e Jaílson são os substitutos.

Escalações

Bahia: Marcão; Denílson, Pereira, Josemar e Avine; Guilherme, Dudu, Ancelmo (Danilo Rios) e Rafael Bastos; Bruno César (Deon) e Marcel. Técnico: Charles Fabian

Juazeiro: Aloísio; Índio, Carlinhos, Jarbas e Josenílton; Wágner, Thiago, Neném (Claudinho) e Joninhas; Fransuele e Ciel (William). Técnico: Miltinho Simões.