Notícias

Feliz Natal

O relato de Dona Marina, desde 1987 no clube

25 dez 2015 | 12H37

Funcionária do Bahia há 29 anos, Dona Marina diz nunca ter passado um Natal assim.

“Estou muito feliz, viu? Esse presidente… Que Deus abençoe vocês todos, essa equipe que chegou. Jamais nos trataram como agora”, afirma. Ela, que já foi cozinheira e agora trabalha como auxiliar de serviços gerais, não acreditou quando a cirurgia que precisava fazer há três anos finalmente saiu do papel, graças ao primeiro plano de saúde da história para os colaboradores do Esquadrão, da Central Nacional Unimed.

Mãe de oito filhos, conta que exercia suas atividades “à pulso, se arrastando”.

“A gente também ficou estranhando o salário… Dessa vez, meu filho, não atrasou hora nenhuma!”.

Aos 64, Marina Santos de Jesus ainda se mostrava emocionada com os presentes recebidos na semana passada. Além do kit natalino, houve distribuição da uma série de outras lembranças ao corpo funcional azul, vermelho e branco. “Sempre esqueciam da gente”, declara.

E finaliza: “Rezo, torço e confio num 2016 cheio de triunfos para o nosso Bahia”.

adherbalCom 20 anos de clube, o assistente administrativo Adherbal Amaral, 77, diz “assinar embaixo” tudo o que Dona Marina falou.

“É verdade, eu corroboro. Passamos a ser valorizados. Estamos vivendo, graças a Deus, um novo Bahia”, diz ele, que dá nome à sala do Dade (Departamento de Análise e Desempenho) do Centro de Treinamentos do Fazendão.

 

Galeria de Fotos