Notícias

Decisão começa hoje

Time júnior do Tricolor entra em campo neste sábado no 1º jogo da decisão do Estadual da categoria.

10 abr 2004 | 09H50

O Bahia entra em campo logo mais, às 17h, no Barradão, em busca do Bicampeonato Estadual da categoria júnior. O adversário na final é o Vitória. O Tricolor tem a vantagem de jogar por dois resultados iguais para ficar com o título, pois fez a melhor campanha na primeira fase da competição – é o único invicto.

O Tricolor aposta todas as suas fichas na melhor dupla de ataque do torneio, formada pelo artilheiro e vice do Baianão – Neto, 18 gols, e Jajá, 16.

“Estamos num entrosamento muito bom e numa grande fase. Não só eu e o Jajá, mas toda equipe. Fomos o melhor time até agora, mas sabemos que se a gente não justificar isso na final, toda a boa campanha vai ser esquecida. É por isso que vamos entrar determinados a jogar tudo que a gente pode para dar mais essa alegria aos nossos torcedores”, declarou o “matador” Neto.

Grande parte dessa boa performance do Esquadrão deve-se ao trabalho do técnico Carlos Amadeu, há dois anos no cargo. Amadeu descarta o favoritismo e diz que o time tem que jogar com seriedade para ser Campeão.

“Ano passado, eles tinham a vantagem e um time relativamente melhor. Mas, com garra, nos superamos e levamos a taça. Isso serve de lição para gente. Temos que jogar com concentração e para vencer e ratificar nossa condição de melhor do campeonato dentro de campo”, declarou o treinador, que tem um problema para escalar o time.

O zagueiro e capitão Leonardelli está praticamente fora da partida, com uma inflamação no tornozelo. Caso ele não possa mesmo jogar, Gustavo Castro, que já faz parte do elenco profissional e foi capitão do time júnior no título do ano passado, vai atuar.

O Bahia entra em campo com Paulo César; Marcus Vinícius, Santana, Gustavo Castro e Webberson; Zé Magno, Saulo, Rodrigo e Anselmo; Jajá e Neto.