Notícias

Com DM vazio, Jorginho vai ganhando opções para armar a equipe

Contra o Galo, treinador tricolor terá dois desfalques.

03 set 2012 | 11H04

"Desfalques". Essa palavra foi muito usada pelo Bahia no primeiro turno da Série A, graças ao grande número de atletas que ficaram de fora dos jogos em virtude de lesões ou suspensões.

Em determinados jogos, o Bahia chegou a ter 08, 09, 10 e até 12 desfalques, mas parece que esta realidade começou a mudar no fim do 1º turno e continua melhorando na largada do returno.

Momento que coincide com a chegada do técnico Jorginho, que vai ganhando mais opções para armar a equipe.

Para a partida contra o Atlético Mineiro , os desfalques confirmados são do lateral Coelho, que está se recuperando de lesão, mas já treina com bola no campo, do lateral Ávine, que vem fazendo um trabalho especial de fortalecimento, do meia Mancini, que não pode enfrentar o Galo por força de contrato, do zagueiro Alisson, que foi suspenso por dois jogos pelo STJD e do lateral Jussandro e do atacante Jones, que receberam o terceiro cartão amarelo contra o São Paulo.

O volante Kléberson, o meia Lulinha  e o atacante Elias, que se recuperaram de lesões e já treinam com bola desde a última semana, devem ser opções para o jogo contra o Galo.

Além dos recuperados de lesões, outros jogadores já estão adquirindo o ritmo de jogo e de treino, fortalecendo o elenco tricolor, como são os casos do lateral Neto, dos meias Caio e Jéferson e do atacante Cláudio Pitbull.