Notícias

Caruru no almoço do Fazendão

Nutricionista preparou uma comida típica da culinária baiana, para atender o desejo de vários jogadores do Bahia

10 jul 2004 | 13H23

Foi uma grande e gostosa surpresa. No final dos trabalhos desta manhã no Centro de Treinamentos, os jogadores do Bahia ganharam no almoço, um caruru completo, sem preceito, no Quiosque do Fazendão. Foi uma bonita festa de congraçamento entre Comissão Técnica, jogadores funcionários do Departamento de Futebol, e dirigentes, demonstrando um clima de total entrosamento e harmonia no futebol do Bahia.

A iniciativa do caruru foi da nutricionista do Bahia, Romilda Bamberg Marques, para atender o desejo de maioria dos jogadores, de conhecer um dos principais pratos típicos da culinária baiana. O meia Robert, baiano de Salvador, mas morando no Sul do País desde os dois anos de idade, foi quem deu a sugestão, apoiada por Henrique, Selmir, Leonardo, Reginaldo, Bebeto, Alemão, entre outros que chegaram este ano para o futebol baiano.

Foi um almoço completo. Caruru, vatapá, feijão fradinho, galinha de xinxim, farofa de azeite, milho branco, banana da terra frita, e até com a presença de uma baiana, Nalva, de Portão, servindo acarajé e abará para o grupo, num ótimo ambiente de confraternização.