Notícias

Candinho: “ao menos um ponto”

Técnico diz que time jogou bem e que foi importante pontuar contra o Santos.

31 out 2002 | 01H15

Um jogo equilibrado em que, ao menos, o Bahia conseguiu somar pontos. Assim o técnico Candinho resumiu o frustrante empate contra o Santos, em partida que o Tricolor vencia por 1 a 0 até os 47 minutos do segundo tempo.

“Demos uma bobeada ali no final e acabamos cedendo a igualdade, mas é o futebol. Pra mim, o Bahia está de parabéns pela bela partida que fez. O Santos tem um grande time e qualquer um poderia sair vencedor. Pelo menos, somamos um ponto, o que não deixa de ser importante nessa reta final do Campeonato”.

O treinador recebeu com ironia as críticas do técnico Leão, que, ao final do jogo, disse que o Santos poderia ter vencido por até três gols de diferença. “É claro que ele vai puxar a sardinha para o lado dele. Eu não vi o jogo assim. Para mim, a partida foi equilibrada e pronto. Vocês sabem que, apesar de ser muito meu amigo, o Leão tem um jeitão arrogante e é reclamão. Aquele lá briga até por tiro de meta”.

O Bahia volta a jogar no próximo domingo, contra o Vitória da Bahia, no Barradão. O treinador não tem problemas para escalar a equipe diante do maior rival e a tendência é que a equipe seja mantida.