Notícias

Bobeira no final determinou derrota, diz Peto

Craque declarou ainda que Bahia tem que ter mais atenção para eliminar o Galo na Fonte Nova e chegar às semifinais da Copa.

10 abr 2002 | 23H50

“Uma bobeira nossa no final foi que acabou causando a derrota”. Com essas palavras, o meia Preto apontou o motivo da vitória do Atlético/MG sobre o Bahia, por 2×1, nesta quarta, no Mineirão, pelas quartas-de-final da Copa do Brasil. O Galo chegou ao triunfo com um gol de Kim, aos 45 minutos do segundo tempo.

Para Preto, o Bahia tem que encarar o fato como uma lição que não deve ser esquecida na partida de volta contra os mineiros, na Fonte Nova.

“Eles têm um time mito forte, com jogadores capacitados, à nível de Seleção. Contra uma equipe dessas, tem que se ter atenção até o último segundo, ou então acontece o que aconteceu conosco hoje. Em Salvador, temos que estar atentos para que isso não aconteça”.

Apesar da derrota nesta quarta, Preto acredita que o Tricolor tem totais condições de conseguir a classificação para as semifinais da Copa do Brasil.

“O Bahia mostrou que também é forte e tem grandes jogadores, pois jogamos de igual para igual com o Atlético aqui no Mineirão. Na Fonte Nova, tenho certeza que nossa torcida vai comparecer e nos ajudar a alcançar o nosso objetivo”.

Para se classificar, o Tricolor precisa vencer, no mínimo, por 1×0, na Fonte Nova. Caso sofra gols em casa, o Tricolor tem que derrotar o Galo por dois ou mais tentos de diferença.

Para a partida do próximo dia 17, o Bahia tem os desfalques do lateral-direito Daniel e do volante Ramalho, suspensos.