Notícias

Bahia perde dois grandes ídolos

Morreram Gereco e Gilson Porto, dois dos maiores jogadores da história do Bahia.

13 jan 2003 | 17H40

A Nação Tricolor está de luto. Morreram os ex-jogadores Gilson Porto e Gereco, que defenderam e honraram de forma brilhante as cores do Bahia. Gilson, que foi atacante, chegou ainda a ser técnico das Divisões de Base e da equipe profissional do Tricolor.

Geraldo Antonio de Oliveira Lima, o Gereco, nasceu em 11 de novembro de 1922. O jogador só defendeu o Bahia em seus 15 anos de carreira, de 1939 a 1953. Com o manto sagrado tricolor, o atacante Gereco disputou 329 partidas e marcou 56 gols. Em 1956, Gereco ganhou o prêmio Belfort Duarte, concedido a jogadores cuja conduta disciplinar era exemplo – nunca foi expulso ou advertido pelos árbitros. Gereco ganhou oito títulos estaduais, entre eles, o tetra-campeonato Baiano (1947 – 1950).

A diretoria e funcionários do Bahia expressam seus pesares às famílias dos dois ex-craques, que tanto dignificaram e, com muita raça e dedicação, ajudaram a construir a história deste clube.