Notícias

Bahia luta, mas perde em Curitiba

Mesmo fazendo a sua melhor partida fora de casa, o Tricolor toma três gols de bola parada e perde de virada para o Coxa.

18 out 2003 | 21H00

O Coritiba assumiu provisoriamente na noite deste sábado a vice-liderança do Campeonato Brasileiro, com 65 pontos, ao vencer, de virada, por 3 a 2, o Bahia, no estádio Couto Pereira, em Curitiba.

Foi a primeira vez que a equipe coxa-branca assumiu a segunda posição no Brasileirão. Com a vitória, o Coritiba deu um grande passo para cumprir seu objetivo de conseguir vencer as cinco últimas partidas que tem para disputar em casa.

Foi a 15ª derrota do Bahia jogando fora de Salvador. O tricolor baiano permanceu na incômoda 20ª posição, com apenas 39 pontos.

Diferentemente do que se anunciava no início da partida, quando ambas as equipes foram logo marcando gols, o primeiro tempo foi muito fraco tecnicamente. Sem poder de fogo, os times não conseguiam criar. A exceção ficou por conta dos lances que resultaram nos gols de Didi, aos 6min, e de Marcel, aos 11min.

O segundo tempo, um pouco melhor, começou com as equipes mais dispostas em campo. Assim como acontecera na etapa inicial, o Bahia marcou primeiro, agora com Valdomiro, aos 12min, e o Coritiba empatou minutos depois. Desta vez, Danilo, aos 18min, deixou tudo igual no marcador do estádio Couto Pereira. Mas Marcel, aos 36min, deu a vitória aos paranaenses.

O jogo
O Bahia surpreendeu no início da partida e foi logo abrindo o placar, aos 6min. Possato cruzou da direita e cruzou para a grande área. Didi, de cabeça, subiu mais do que a defesa coxa-branca e abriu o placar para os baianos.

Aos 11min, o Coxa fez valer a força dentro de casa e chegou ao empate. Alexandre Fávaro levantou bola na grande área em cobrança de falta e Marcel cabeceou para igualar o marcador.

Os times não faziam boa partida. Sem conseguir criar, as duas equipes deixaram o jogo feio. Aos 22min, Ceará cruzou da direita e Alexandre Fávaro ajeitou para Lima carimbar a zaga adversária.

Lima, novamente, teve boa chance aos 26min, mas não conseguiu aproveitar. Após receber bola na área, ele fez o giro mas chutou em cima da zaga baiana.

A outra boa oportunidade aconteceu apenas aos 34min. Alexandre Fávaro cobrou escanteio da direita, Williams se antecipa à zaga, mas mandou por cima do gol.

O Bahia conseguiu ficar na frente do marcador novamente logo aos 12min da etapa final. Após cobrança de falta ensaiada da esquerda, Valdomiro aproveitou bate-rebate na grande área e, de frente para o gol, aproveitou a oportunidade para fazer o segundo dos baianos na partida.

A alegria dos baianos durou pouco. Aos 18min, o Coritiba chegou ao empate em nova bola alçada na área. Após cobrança de falta da direita, Alexandre Fávaro levantou na área e Danilo subiu mais do que a defesa baiana para, de cabeça, encobrir o goleiro Fernando. A bola ainda bateu no travessão antes de entrar no gol.

Para piorar a situação do Bahia, o Coritiba conseguiu a virada aos 36min. Após cobrança de escanteio da esquerda, Marcel subiu mais alto que a defesa adversária e cabeceou para o fundo da rede para fazer o seu segundo gol na partida e o terceiro do Coritiba.

Aos 43min, Valdomiro foi expulso ao revidar um tapa que havia levado minutos antes de Danilo dentro da área – não anotado pela arbitragem. Já nos descontos, aos 47min, Fernando evitou o empate do Bahia, com boa defesa.