Notícias

Bahia empata na estréia da Série C

O jogo ficou no 0 x 0

07 jul 2007 | 19H20

Por Jayme Brandão

Na tarde deste sábado, o Bahia fez sua estréia na Série C, diante do Confiança, jogando no estádio Lourival Batista-Aracaju/SE.

Antes de falar do jogo, é preciso elogiar e agradecer a torcida do Bahia, que de forma emocionante deu uma demonstração de amor ao clube, enchendo as arquibancadas do estádio Batistão, chegando ao ponto de ser maioria na praça do jogo.

O Esquadrão de Aço ficou no 0 x 0, na partida contra o time proletário, mas criou diversas oportunidades e poderia ter trazido outro resultado para Salvador.

O JOGO

No início da partida,as duas equipes se estudaram bastante e não estavam dando espaço para o adversários criar jogadas em seu campo.

O primeiro bom momento do Bahia aconteceu aos 24 minutos, após um bom chute de Danilo Gomes, que forçou o goleiro Fábio a fazer uma grande defesa.

Três minutos depois, em um contra-ataque bem montado, Ávine cruzou para área e Neto Potiguar chegou batendo, mas Fábio salvou novamente.

Aos 37, o goleiro Márcio fez uma grande defesa, em um cruzamento na área, que o atacante Rogério entrou de carrinho, mas o arqueiro tricolor estava atento e defendeu.

No intervalo da partida, o técnico Arturzinho não mudou a equipe.

Na segunda etapa, os dois times cadenciaram o jogo e aos 10 minutos, Artur mudou o time, colocando Cléber na vaga de Ávine.

Aos 14, Márcio entrou em ação mais uma vez, defendendo uma venenosa cabeçada de Guga.

Aos 18, Inho entrou no lugar de Danilo Gomes.

Aos 22, Cléber cruzou da esquerda, a bola passou na área e Emerson Cris chutou, mas em um lance incrível, não nasceu o primeiro gol tricolor.

Dois minutos mais tarde, Cléber cobrou escanteio, Nonato recebeu sozinho e chutou, mas novamente, a bola não entrou.

O Bahia cresceu e o gol parecia que iria sair. Aos 32, Nonato invadiu a área e chutou no lado esquerdo do goleiro, mas a bola bateu na rede, pelo lado de fora.

Aos 35, Amauri ganhou o lugar de Neto Potiguar.

Aos 42 minutos, Carlos Alberto cobrou uma falta e o zagueiro Eduardo chegou de surpresa na área. O beque bateu de primeira e pra sorte do goleiro Fábio, a bola foi em cima dele.

No último lance do jogo, o goleiro Márcio interceptou uma bola na área tricolor, com uma bela ponte, que manteve o empate no placar.

O Bahia atou com: Márcio, Carlos Alberto, Alison, Eduardo, Adílson, Emerson Cris, Fausto, Danilo Gomes(Inho), Ávine(Cléber), Neto Potiguar(Amauri) e Nonato.

Depois da partida, a delegação seguiu para o hotel, onde jantou e depois viajou de volta para Salvador.

Amanhã, o grupo terá folga e se reapresenta na segunda-feira, às 08:30hs, no Fazendão.

O próximo jogo do Bahia será no sábado, na Fonte Nova, de portões fechados, às 16:00hs, contra o Asa-AL.