Notícias

Bahia conquista bom resultado no Maracanã

O jogo foi 1 x 1.

19 abr 2007 | 22H30

Por Jayme Brandão

Jogando no Maracanã, o Bahia conquistou um importante resultado, empatando com o Fluminense, em 1 x 1, com um gol de Fábio Saci.

Agora, o Esquadrão decide a vaga na Copa do Brasil, atuando na Fonte Nova, na próxima quarta-feira.

O JOGO

O Bahia entrou em campo com um novo esquema tático, com três volantes no meio campo, composto por Emerson Cris, Fausto e Marcone.

Jogando em casa, o Fluminense pressionou o Tricolor, logo aos 13 minutos, com uma boa defesa de Musse.

O Esquadrão deu a resposta e Fausto chutou por cima, em um rebote do goleiro, aos 15 minutos.

Um minuto depois, Rafael Moura acertou a trave do Bahia.

Na sequência, aos 17, a bola foi cruzada na área, Carlos Alberto recebeu livre e fez o gol do tricolor carioca.

Aos 21, em um cruzamento na área, Paulo Musse interceptou e fez boa defesa.

Aos 25, Saci recebeu bom passe, invadiu a área, mas a zaga cortou.

Aos 28, Rafael Bastos fez grande jogada, driblou dois defensores cariocas e cruzou para Moré, mas a zaga cortou.

As duas equipes diminuiram o ritmo e a disputa pela posse de bola se concentrou no meio campo.

Do intervalo, o Bahia voltou com a mesma equipe.

Logo no primeiro minuto, do segundo tempo, o Bahia empatou o jogo. Moré prendeu a bola pela esquerda e virou para a direita. Maricá dominou e cruzou na área e Fábio Saci completou pro gol, se apresentando para o técnico Joel Santana e os jogadores do Flu.

Aos 06, Hebert cabeceou com perigo, em um escanteio tricolor.

Aos 11, Moré sofreu um pênalti claro, apósuma “cama de gato” cometida dentro da área, mas o juiz não marcou.

Depois do empate, o Bahia se protegeu na defesa e explorava os contra-ataques.

Arturzinho mudou o time, tirando Maricá e colocando o volante Dudu.

O Fluminense tentava, mas a defesa tricolor seguia cortando bem.

Artur mudou novamente, sacando Moré e colocando Amauri.

O tricolor carioca se desesperava e o Bahia saia com sabedoria, explorando a velocidade de Amauri.

O técnico do Esquadrão iria colocar Danilo Gomes, na vaga de Rafael Bastos, mas Emerson Cris se machucou. O zagueiro Emerson foi pro jogo.

Aos 36, Marcone chutou com violência, mas o goleiro carioca fez grande defesa.

Aos 43, Dudu fez ótimo cruzamento, mas o zagueiro Hebert cabeceou errado, desperdiçando uma grande oportunidade.

Quase no fim do jogo, o jogador Carlos Alberto, do Fluminense, fez falta dura em Marcone foi expulso.

No fim da partida, os jogadores comemoraram o bom resultado e pediram o apoio da torcida tricolor, nos dois próximos jogos, contra o Vitória-BA e o Fluminense, no domingo e na quarta-feira, respectivamente.

A delegação do Esquadrão volta para Salvador às 10:30hs, desta sexta-feira.

FICHA TÉCNICA:

Bahia: Paulo Musse, Maricá(Dudu), Hebert, Rogério, Victor Boleta, Emerson Cris(Emerson), Fausto, Marcone, Rafael Bastos, Fábio Saci e Moré(Amauri). Técnico: Arturzinho

Fluminense: Fernando Henrique, Rafael, Thiago Silva, Luiz Alberto, Júnior César, Romeu, Arouca, Thiago Neves(André Moritz), Carlos Alberto, Alex Dias e Rafael Moura. Técnico: Joel Santana

Árbitro: Paulo Henrique de Godoy Bezerra(SC)
Assistentes: Carlos Berkenbrock(SC) e Alcides Zawaski Pazetto(SC)
Cartões amarelos: Thiago Silva, Romeu(FLU); Rafael Bastos e Fausto(BAH).
Cartões vermelhos: Carlos Alberto(FLU)

Foto: A Tarde Online