Notícias

Bahia bate o Coritiba em MG

Garotada tricolor faz 2 a 0 no coxa mesmo com três expulsões e assume a liderança do grupo na Taça BH.

23 jul 2005 | 10H45

Darino Sena

Mesmo com três jogadores expulsos, além do técnico, o Bahia conseguiu se superar e venceu o Coritiba por 2 a 0, na segunda rodada da Taça Belo Horizonte de Futebol Júnior. O jogo aconteceu na noite desta sexta-feira, no estádio municipal de Itaúna, interior de Minas.

No primeiro tempo, o Tricolor teve o lateral Denílson expulso. No segundo, o goleiro Paulo Cerqueira e o lateral Felipe também levaram o vermelho. Inconformado com as expulsões, o técnico Gilmey Aymberê reclamou da arbitragem e também foi mais cedo para os vestiários.

Mesmo com as ausências o Bahia, melhor tecnicamente, construiu o placar de 2 a 0 com gols de Kleuber e Caio. O Tricolor jogou com Paulo Cerqueira; Denílson, Tiago, Jaílson e Avne; Caio, Marcone, Saulo e Rodrigo (Paulo Eduardo); Bruno César (Felipe) e Kleuber.

Líder

Nos outros jogos da rodada pelo grupo F, onde está o Tricolor, o São José da Lapa perdeu para o Itaúna, por 2 a 1; e Vila Nova/MG e Portuguesa empataram em 1 a 1.

Com os resultados, Bahia, Itaúna e Vila Nova estão na liderança, todos com quatro pontos. Pelos critérios desempate, o Vila está na frente, por ter três gols de saldo. Com dois no mesmo critério, o Bahia vem logo atrás. O Itaúna, com saldo de um, é o terceiro. Portuguesa, com dois pontos, está em quarto. O Coritiba, com um, é o quinto. A lanterna está com o São José, que perdeu os dois jogos.

Na próxima rodada, domingo, o Bahia pega o São José da Lapa, na casa do adversário; O Coritiba enfrenta a Portuguesa e o Itaúna encara o Vila Nova. Os dois primeiros do grupo passam para a próxima fase.