Notícias

Bahia apresenta caras-novas à torcida

Éderson, Luís Fernando, Bruno e Adeildo estréiam como titulares do Bahia no Bavi.

23 fev 2003 | 08H59

Um dos aspectos positivos do presidente Marcelo Guimarães ter determinado a escalação de um time reversa no Bavi deste domingo é a possibilidade da estréia de alguns jogadores que provavelmente demorariam mais algum tempo para vestirem a camisa do time principal do Bahia. Essa é a experiência que quatro atletas vão viver hoje – o zagueiro Luís Fernando, os laterais Adeildo e Bruno, e o goleiro Éderson.

Apesar de já ter atuado em algumas partidas amistosas, Éderson nunca defendeu o gol do Bahia num jogo oficial, tampouco iniciou uma partida como o número 1. “Estou no Bahia há bastante tempo. Essa é a chance que sempre esperei na vida. Sei que não vou tirar a posição do Emerson, que é o titular absoluto e inconteste. Mas é a oportunidade de mostrar para a torcida e para a imprensa que o Bahia também tem um grande goleiro no banco de reservas”.

A expectativa também está presente nos lateral-direito Adeildo. Ele foi contratado pelo Bahia este mês e já foi reserva em duas partidas. Mostrando um bom futebol, pode até ficar com a vaga do atual titular, Arlindo, que também chegou recentemente ao grupo e ainda não se firmou. “Respeito muito o Arlindo, mas meu objetivo, agora que entrei, é não sair mais do time”.

Outros que não escondem a ansiedade são os ex-juniores Bruno e Luís Fernando. Promovidos ao elenco de profissionais no início da temporada, eles vêm o jogo deste domingo com a realização de um sonho que perseguiram por toda a vida. “É o último degrau na escala de evolução de um jogador de futebol. A gente fica muito feliz de ter chegado até aqui, pois sabemos que são poucos os que conseguem. A torcida do Bahia pode ficar tranqüila que nós temos capacidade para dar conta do recado”, disse Luís Fernando.