Notícias

Geração 2000

Ramires estreia no profissional e ganha elogios

06 set 2018 | 14H40

A lista de relacionados para o jogo contra o Sport, não divulgada antecipadamente, tinha uma grande surpresa: Eric dos Santos Rodrigues. O garoto, mais conhecido como Ramires, não ficou radiante apenas por estar no grupo profissional, mas principalmente por ser escalado para começar o duelo.

O jovem de 18 anos, nascido em Salvador e criado no bairro de Águas Claras, realizava ali sua primeira partida oficial no gramado da Arena Fonte Nova. Não é à toa que, para ele, a noite desta quarta, dia 5 de setembro, ficará marcada para sempre na memória.

“Eu, desde pequeno, sonhava muito em jogar na Fonte Nova. E, para ficar melhor ainda, eu deixei o campo sendo aplaudido pelo torcedor. Foi muito bom. Gostaria de agradecer a todos os atletas, que desde a saída do hotel me passaram muita confiança”, falou.

Ramires é o primeiro jogador nascido no ano 2000 a vestir a camisa azul, vermelha e branca na história do Campeonato Brasileiro. Antes, no início da temporada, o lateral direito João Pedro Ribeiro chegou a participar da Copa do Nordeste.

Além disso, Ramires agora figura na lista dos cinco atletas mais jovens a participar deste Nacional. À frente dele estão dois santistas, Yuri Alberto e Rodrygo, além dos atacantes Lincoln, do Flamengo, e Vinicius Jr, atualmente no Real Madrid.

O rendimento do meio-campista, inclusive, foi tema da entrevista coletiva do técnico Enderson Moreira.

“Eu, que trabalhei muito tempo na base, tenho observado este garoto há algum tempo e considerei ser uma boa oportunidade para ele jogar. Ele fez o mesmo que costuma realizar durante nossos treinamentos. Recebeu muito apoio e tranquilidade do grupo, que o abraço muito bem, e isso foi importante para o desempenho no jogo”.

Neste jogo contra o Sport, além de Ramires, a divisão de base do Tricolor de Aço esteve representada pelo zagueiro Everson, autor de uma assistência, e pelo meia Marco Antônio, que foi titular.