Notícias

Análise

Rogério Ceni analisa triunfo do Bahia na Fonte Nova

24 mar 2024 | 19H35

O técnico Rogério Ceni conversou com a imprensa após o Bahia vencer o Maranhão, por 1 a 0, na Fonte Nova, pela sétima rodada da Copa do Nordeste. O treinador destacou os números do Esquadrão, que chegou a nove vitórias na Fonte Nova.

“Eu acho que nós jogamos um bom jogo, dominamos, mas não tivemos efetividade na hora que criamos. Mas vencemos pela nona vez jogando aqui. Acho que sempre terá dificuldades, as pessoas talvez vendam um mundo que não é o de verdade. Às vezes a gente consegue vitórias e muitas vezes parece que está sempre abaixo da expectativa”

Ceni falou sobre a pontuação na Copa do Nordeste diante do cenário atual. Restando uma rodada, o Bahia é o time de melhor campanha da competição.

“Chegamos a 18 pontos numa competição que o outro grupo parece, ao que consta pela pontuação, pelo equilíbrio, me parece um pouco mais forte. E nós enfrentamos, faltando um adversário, apenas no outro grupo e conseguimos uma boa pontuação, garantindo o primeiro lugar em geral com uma rodada de antecedência”.

O treinador ainda destacou o planejamento para a partida de quarta-feira (27) contra o Botafogo-PB, também pela Copa do Nordeste, e no próximo final de semana, quando no domingo (31), o Bahia enfrenta o Vitória, pela partida de ida das finais do Campeonato Baiano.

“Nós vamos começar a se preparar essa semana para jogar, porque até agora, faz muito tempo que a gente não faz um treinamento trabalhando, desenvolver a parte física ou ter ganho de parte física. A gente só se desgasta, recupera, tenta fazer parte tática, mas nem o condicionamento ideal para um intervalo de um jogo um pouquinho maior para o outro, nós não tivemos. Nós vamos ter que criar uma condição para que a gente tenha um prazo um pouco maior para esses jogos, para tentar ser um pouco mais competitivo, como é o rival, que tem muita força física. Nós temos que ser superiores tecnicamente, porque é um modelo de jogo que requer muito mais desgaste para a construção e temos que também estar fisicamente mais inteiro”, disse.