Olá,

Notícia Destaque 05-07-2014

“Até breve”

Anderson Talisca é vendido para o futebol português

carta_bahia

O Esporte Clube Bahia comunica à Nação Tricolor que o meio-campista Anderson Talisca acertou sua transferência para o Benfica, de Portugal.

A negociação, de 4 milhões de euros (R$ 12,04 milhões na cotação do dia), é a maior da história do Esquadrão de Aço e foi solicitada pelo jogador no dia em que o elenco voltou do recesso da Copa do Mundo, há pouco mais de duas semanas.

“Sim [fui peça fundamental na decisão], porque sou eu que jogo. Eu sou o cabeça, como se diz. Se errar, erro eu. Se acertar, acerto eu. Foi tudo estudado”, disse Talisca, que completou: “Saio com muita alegria e um pouco de tristeza também”.

O presidente Fernando Schmidt comentou o assunto: “Falamos para ele: ‘Talisca, você só está saindo porque você quer’. E vale lembrar que, desde o ano passado, já recebemos propostas pelo atleta. Mas também foi positivo para o clube. Quando assumimos, em setembro, o Bahia tinha 0% dos direitos econômicos do garoto… Agora, conseguimos reverter isso e ficar com 50% do valor do negócio”.

Segundo Schmidt, a transação ajudará as finanças tricolores até o final do ano. Além disso, o presidente confia na força do grupo azul, vermelho e branco. “Já trouxemos peças importantes nessa pausa do Campeonato Brasileiro e seguiremos nos reforçando”.

“Talisca veio da nossa divisão de base, daí a importância desse trabalho prosseguir, cada vez mais aperfeiçoado, para que novos talentos nunca parem de surgir”, finalizou Schmidt.

O meia reiterou: “Foi bom pra mim, foi bom pro Bahia. Vai suprir muitas coisas no clube, junto com minha família também, que precisa de mim. Vai ser muito bom pra minha família”.

A revelação de 20 anos afirmou ainda que pretende encerrar a carreira no Fazendão. “Fica aquele sentimento de saudade. Mas sei que um dia vou voltar. Agora é uma nova história, mas nunca vou deixar de ser Bahia nem nunca vou deixar de torcer, como sempre torci, e vou estar acompanhando todos os jogos”.

“Queria deixar [para a torcida] um recado de felicidade, não de tristeza. É uma saudade. Já chorei muito. Obrigado por tudo. Mesmo as críticas ou as vaias [no começo], sempre respeitei. Sei que faz parte do meu trabalho”.

“Sempre suei, sempre honrei essa camisa, desde quando cheguei à base, em 2009, com muito orgulho, até porque foi o Bahia que abriu as portas pra mim. É um até breve”.

Talisca já viaja neste sábado para a Europa, onde firmou um contrato de cinco temporadas.

Com base no princípio da transparência que norteia esta nova gestão, o Esquadrão divulga a divisão da partilha da transferência do atleta:

50% Esporte Clube Bahia
20% Carlos Leite
10% Chácara Celeste
10% Astro
10% Bahia Soccer

 

Banner-Promoção-Sócio
Bahia Store
Bahia Store
Tim
Publicidade